Uma Entrevista com Maíra Lewin, especialista em Gestão de Rotina Doméstica.

Maíra Lewin - Especialista em gerencia de rotina domestica

 

HA: Maíra, o nome da empresa é bastante original, por que O que Fica?
ML: O que fica é o que importa, até no que diz respeito às coisas, mas sobretudo quanto à nossa vida, nossos aprendizados e experiências, de resto, tudo passa.

Nosso foco é levar para o mercado um conceito de organização consciente, ou seja, não apenas fornecer o serviço de organização, mas ensinar as pessoas a pensarem de forma organizada.

Queremos transmitir essa habilidade. Isso se reflete de forma muito impactante na nossa vida e nós queremos que nossos clientes vivam esse benefício em seu máximo potencial.

E não se trata apenas de uma organização das coisas, mas também e, principalmente, da nossa mente e do nosso tempo, que são nossos bens mais preciosos.

 

HA: Por que arquitetura junto com a organização? Qual benefício essas especialidades, juntas, podem levar ao cliente da O que fica?
ML: Nós sabemos como custa caro o m2 urbano atualmente, em qualquer lugar do mundo, mas principalmente no Rio de Janeiro.

A arquitetura tem dois objetivos no nosso trabalho: otimizar espaços, reduzidos ou mal aproveitados, e oferecer um formato de projeto simplificado que promove enorme benefício estético e ao mesmo tempo é mais acessível.

É frequente, durante um projeto de organização, nós nos depararmos com uma necessidade de melhoria do espaço, como a definição de algum mobiliário específico ou um reajuste do layout.

Nesses casos, ninguém fará melhor que um arquiteto. É simples assim. Unindo a organização com a arquitetura, nós oferecemos o melhor resultado, com um custo atrativo.

E o principal, ambos profissionais, de organização e de arquitetura estarão perfeitamente alinhados pelo maior benefício do cliente.

gestao rotina domestica

HA: Como você aborda a gestão do tempo dentro da organização profissional? Normalmente, a nossa área está muito ligada à organização apenas das coisas.
ML: É curioso como diversas clientes nossas já disseram que tiveram um clic quando nos conheceram.

Elas finalmente perceberam o valor da organização profissional. Sim, não se trata apenas de dobrar roupas ou organizar gavetas, trata-se de organizar a vida. Organizar seus processos, seus tempos, suas tarefas.

Um exemplo muito atual é quando a cliente tem uma empregada doméstica e precisa mudar para um serviço de diarista para reduzir custos.

Vamos juntos com ela, não apenas colocando as coisas em ordem, mas todo o resto necessário para que ela dê conta de tudo, sem se sentir soterrada de afazeres.

Eu estou falando de mulheres que são mães, trabalham fora e ainda precisam cuidar da casa. É muita coisa sim, mas é possível e surpreendentemente libertador.

 

HA: Falando sobre processos, vocês oferecem ainda um serviço de Mapeamento de processos para pequenos negócios?
ML: Sim, temos uma experiência prévia de mercado, de quase 10 anos, em gestão da qualidade e gerenciamento de projetos. Colocamos esse conhecimento à disposição de quem precisa mapear seus processos de trabalho e torna-los mais produtivos.

Nós percebemos que o conhecimento, as técnicas e as ferramentas podem ser aplicadas independente do cenário, ou seja, sendo pessoal, doméstico ou profissional, o mapeamento de processos é fundamental para sabermos se não estamos deixando de fazer algo importante ou se podemos simplificar o que já fazemos.

Em resumo, queremos e normalmente podemos ser mais eficazes e eficientes, fazer mais e melhor, eventualmente, em menos tempo. Muitas vezes, nossa intervenção nem é tão complexa. Um papo direcionado para a orientação correta já proporciona para o cliente um novo olhar do seu trabalho.

 

HA: Você sempre fala no plural e fala no seu site que a o que fica é um time. É fato que você está de frente da empresa, quem mais está com você?
ML: Eu falo sempre do meu marido arquiteto, porque foi ele que apostou nessa empreitada junto comigo. Mas, o que nós fizemos foi reunir o nosso conhecimento, não apenas técnico, mas também de networking para ter junto conosco a possibilidade de acionar profissionais muito capacitados, em projetos muito objetivos em benefício do melhor atendimento aos nossos clientes.

Nosso objetivo é ter um formato customizável e adequado à necessidade do nosso cliente.

Isso é um aprendizado importante que trazemos do Gerenciamento de projetos. Queremos resolver problemas da vida prática e, para isso, nos moldamos às necessidades dos nossos clientes, para o melhor aproveitamento do conhecimento que temos a oferecer.
HA: Para encerrar, fala um pouco sobre o seu e-book.
ML: Esse é o meu xodó! Rs Comecei escrevendo para colocar no papel o conceito do nosso negócio, o que eu queria levar para o mundo, nossa missão e acabei escrevendo um livro.

Ele é bem objetivo e fala sobre coisas práticas. São “10 passos para acabar com a bagunça de uma vez por todas e ainda economizar!”.

Esses passos são, de certa forma, o nosso jeito de organizar. A maneira da oquefica (da Maíra, né?!) de ver a organização.

Se você ler ele e colocar aquilo tudo em prática, é muito provável que não precise de ajuda nenhuma para se organizar e, mais importante, manter organizado.

Eu fiquei muito feliz com o resultado final. De qualquer forma, quem quiser ter um preview do livro, e ter um belo guia de como acabar com a bagunça, pode baixar gratuitamente o nosso Guia, que está disponível no nosso site.

Esse guia tem o mesmo título porque apresenta os 10 passos integralmente, só não traz detalhes de como implementar e alguns extras que ficaram reservados para o e-book.

gestao rotina domestica

Similar Posts

One Comment

Leave a Reply

Your email address will not be published.