Você já sabe que o cabide é uma peça fundamental para a organização do closet e do guarda-roupas, não é mesmo? Já falei inclusive, inúmeras vezes por aqui, da importância de ter cabides padronizados no armário.

Afinal, quando você usa o mesmo modelo de cabide, mantém um padrão no armário que traz a sensação de mais ordem e mais amplitude.

No entanto, existem outros modelos que podem facilitar muito sua vida. São tipos especiais para cada tipo de peça. Certamente você já deve ter visto vários deles por aí, mas não sabia exatamente para que servia ou como usar. No artigo de hoje, vou desvendar este mistério e te explicar todas as diferenças entre os modelos de cabide.

Vamos lá?

Entenda Tudo Sobre os Variados Tipos de Cabide
Entenda Tudo Sobre os Variados Tipos de Cabides

Modelos de cabide essenciais para sua casa

Cabides com Andares: 

Sabe aqueles cabides que possuem uma fileira de divisórias? Pois então, estes são perfeitos para você guardar suas calças – especialmente se o seu armário ou closet for pequeno. Eu gosto ainda mais deste aqui pois os “bracinhos” dele abrem, facilitando a retirada e reposição das calças.

Cabide com Múltiplos Ganchos: 

Estes cabides são perfeitos para pendurar cintos ou gravatas. Além de permitir que estas peças se mantenham na vertical, ele também poupa bastante espaço.

Cabide de base larga e feito de madeira:

Estes são mais robustos e não é à toa. Eles são feitos para segurar peças mais pesadas mesmo, como casacos, ternos, blazers, etc…

Cabide com Presilha ou Gancho: 

Estes são os modelos ideias para pendurar as saias ou os shorts. Existem modelos de acrílico e também os mais tradicionais de ferro. Se o seu caso for o segundo e você deseja pendurar peças mais delicadas, forre o gancho com um feltro para não deixar marcas.

Cabide Para Lenços: 

Esta também é uma ótima opção para ter em casa. Este modelo de cabide é aquele que possui vários círculos, possibilitando que você pendure muitos lenços em um só.

Cabide Para Lençóis: 

Pendurar os jogos de lençóis, toalhas de mesa, passadeiras e capas de edredom uma forma excelente de organizar estes itens, especialmente se você envia tudo para a tinturaria, como muitos dos meus clientes fazem.

E Qual Modelo de Cabide Tradicional é o Melhor?

Depois de você descobrir alguns modelos que servem para peças específicas, vamos conversar um pouco sobre os modelos tradicionais.

Cabides de Plástico e Acrílico: 

São bem comuns e fáceis de achar. Os de plástico são super em conta e bem fininhos, ocupando menos espaço. No entanto, a durabilidade não é das melhores. Já os de acrílico são ótimos para pendurar vários tipos de peça, inclusive as mais pesadas, possuem ótima durabilidade, além de serem muito bonitos visualmente.

De Madeira: 

São os mais tradicionais, com ótima durabilidade, são bonitos e fáceis de encontrar. Os contras é que são mais caros e, como são mais largos, ocupam mais espaço no armário.

Cabides de Metal e Arame: 

Os de metal também possuem um ótimo custo benefício e são bem fininhos, no entanto, não suportam todo tipo de roupa. Os de arame são os menos recomendados, apesar de serem super baratos, possuem pouca durabilidade e pouca firmeza.

Cabide Flocado ou de Veludo:

Apesar de serem um pouco mais caros, eles são perfeitos. Não nem muito grossos nem muito finos, ótimo suporte e, pelo fato de serem forrados com veludo, eles evitam que as peças escorreguem ou se danifiquem.

Dicas Finais:

E para encerrar o assunto, vou te dar duas dicas extras.

#1. Pendure apenas uma peça por cabide (a não ser que seja aqueles especiais com várias divisórias). Isso evita que você danifique ou amasse a roupa.

#2. Além de padronizar seus cabides, pendure-os sempre para o mesmo lado. Vai ser muito mais fácil de arrumar e manter um padrão visual muito mais interessante no armário.

E então, o que você achou de minhas dicas sobre os cabides? Ficou alguma dúvida? Tem algo mais para acrescentar? Deixe nos comentários!

Similar Posts

3 Comments

  1. Amei as dicas, Helena!

    Obrigada!

    Dani

  2. Bom dia,
    Cabide em arco é melhor que o tradicional em relação a marcar roupas?
    Obrigada

    1. Oi, Suelen.
      A escolha do tipo de cabide sempre depende do tipo de tecido. Em geral, eu dou preferência aos cabides flocados e se for um material frágil -ou encorpado, como um suéter- eu dobro ao meio e penduro no cabide.

Leave a Reply

Your email address will not be published.